Costura inglesa e costura francesa: qual a diferença e como fazer?

Existem outras opções para finalizar as margens de costura. Uma delas é a costura inglesa, ou costura rebatida, muito usada em camisaria e a outra é a costura francesa.

A costura francesa é mais usada em tecidos finos, como a musseline e o chiffon, por exemplo. Ela fica embutida até pelo avesso e pode ser usada em peças como vestidos de festa.

Costura Inglesa:

A costura inglesa é uma costura pespontada, ou seja, há uma costura aparente em sua finalização.

Coloque uma margem de costura maior que a outra. Deixe 2 cm em uma e 0,5 cm em outra, por exemplo. Uma outra opção é costurar as margens com 2cm e aparar uma delas, deixando-a com 0,5 cm.


Dobre a maior por cima da menor, e vire uma pequena barra para fazer o acabamento.

Pesponte na borda da dobra (barra) para prender a margem de costura à roupa.

A margem menor ficará dentro da costura e não será aparente. Podemos concluir que além do overloque, existem maneiras de fazer que o seu acabamento fique mais profissional.

Costura francesa:

A costura francesa é uma costura embutida, adequada para tecidos finos. Quanto mais fina, melhor fica o acabamento. Portanto, deixe 1 cm de margem para fazer essa costura.

Ao contrário das costuras normais, coloque avesso com avesso.

Alinhave e costure com 0,5cm de distância da borda.

Apare essa costura cortando os fios remanescentes. Abra e feche a costura no ferro para tirar possíveis franzidos.

Vire o tecido novamente, colocando direito contra direito.

Costure, de novo, com mais 0,5cm, deixando a primeira margem embutida dentro da segunda.

Espero que essas instruções sejam de grande valia para que você acabe as peças que costurar da melhor maneira possível, de acordo com o tecido e com o modelo.

Se você quer aprender ainda mais sobre costura e deseja fazer acabamentos primorosos, internos e externos, clique na imagem abaixo e conheça o meu curso online “Acabamentos primorosos e técnicas de costura”:

Um abraço!

Lara

  • Olga Isabel Cardoso Varino

    Lara, parabens peo teu trabalho! Obrigada pela tua generosidade em compartilhar teus conhecimentos.