24 horas de costura (ou quase isso!)

Às vezes, eu paro para pensar o quanto a costura preenche meu dia.

 

 

Eu dou várias aulas, gravo vídeos e reservo um tempo para responder dúvidas dos meus alunos dos cursos online. Então, no final do dia, cansada, eu ligo a TV para ver séries de… costura! kkkk! Como pode uma coisa dessas ?!

 

Eu já assisti “O tempo entre costuras”, uma história linda que se passa na Espanha e depois no Marrocos em um período de guerra. Antes de assistir ao filme, eu li o livro alguns anos atrás e já tinha me apaixonado com a história, como a autora descreve as roupas, o processo da costura…tudo é muito bem detalhado.

 

Atualmente, estou assistindo “Velvet: costuras do amor” também passada na Espanha , em Madrid, nas décadas de 50 e 60 e tem como base uma loja chamada Velvet, que tem grande prestígio.

 

A história, além da costura, tem um enredo romântico e conta sobre amor e percalços de Alberto, herdeiro da loja e Ana, uma costureira da maison. Estou adorando!
O figurino da série é lindo, bem feminino, com a cintura marcada – pelo menos até o episódio que vi – com uma forte referência ao “New Look” , saias amplas, comprimento no tornozelo. Quando passa para os anos 60, já vi algumas prévias que a maneira de enxergar a moda muda, pois é uma época que o rock ‘n’ roll, a liberdade de expressão e a mudança para uma moda mais diversificada começam a aparecer na maneira de se vestir. É divertido ver o cotidiano de uma loja, a história de amor e as mudanças de referências de moda sendo levados com tanta leveza na série.
Falei tudo e mais ainda nesse vídeo:

Você também ama a costura dessa forma?
Qual série ou filme já viu e recomenda?
Um abraço e boas costuras!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *