Como cortar tecidos finos e escorregadios

Avalie nossa página

Cortar tecidos finos e escorregadios é uma tarefa que deve ser feita com cuidados, para não virar um pesadelo.
Sabe aqueles tecidos que escorregam e “dançam” na mesa, como a musseline, chiffon e cetim?! Pois é! Existe uma técnica que ajuda bastante na hora do corte.
É importante saber que para cortar tecidos finos e escorregadios, a preparação para o corte é fundamental e leva mais tempo do que o corte em si, mas uma boa preparação que vai garantir o sucesso de um tecido bem cortado, sem “dentes” e sem falhas.

Veja a preparação de como cortar tecidos finos e escorregadios:

Dica 1:
Já cortar com margem de costura e do jeito que o molde deve ficar posicionado no tecido – molde todo aberto
Se for fazer uma bainha de lenço, por exemplo, deixe 1,5 cm de barra.
Dica 2:
Colocar um papel de seda por baixo do tecido. Caso não tenha um papel de seda grande o suficiente, você pode emendar 2 ou 3 papéis. A parte “brilhante” do papel de seda deve ficar voltada para a mesa. Já a outra parte deve ficar em contato com o tecido para que o mesmo não escorregue.

 

cortar tecidos finos.
Dica 3:
Trace uma linha (com o esquadro) no papel de seda e a alinhe com a ourela do tecido.

 

cortar tecidos finos

 

Dica 4:
Coloque o tecido todo esticado – sem dobrar –  na mesa e use vários pesos para prendê-lo.
Alise o tecido com a mão para retirar  as “bolhas” e deixar o tecido o mais liso possível sobre a mesa.

Dica 5:
Para verificar se está tudo alinhado, meça do fio reto até a ourela em 2 pontos diferentes e confira se as medidas estão iguais, desta forma as 3 camadas (molde, tecido e papel de seda ) estarão alinhadas.

 

Dica 6:

 

Coloque pesos também nos moldes e alfinete as três camadas para que tudo fique bem preso e não escorregue.
Prefira alfinetes longos. Recomendo que  alfinete com cuidado para que não haja o risco de algum fio ser puxado.

 

Momento do corte.

 

Dica 7:

 

Usando a tesoura apropriada para cortar tecido, você irá cortar as 3 camadas juntas ao redor do molde.
A tesoura deve estar rente e apoiada na mesa.
Repare que a tesoura tem uma anatomia e portanto um lado correto para encaixar os dedos e efetuar o corte.

 

** Importante: nunca corte com a tesoura “voando”, ou seja, sem estar apoiada na mesa.

 

Repare que as 3 camadas (molde, papel de seda e tecido), quando bem presas com os pesos e os alfinetes, formam uma estrutura firme que facilita o corte do tecido.

 

Resultado Final: Como cortar tecidos finos e escorregadios

 

O tecido ficou cortado certinho de acordo com o molde, sem dentes ou imprevistos. 🙂

 

 

Eu aproveitei esse tecido fino que cortei para fazer um lindo vestido mostrando a costuras e acabamentos, veja nesse link.

 

Logo abaixo vou deixar um vídeo para que você veja na íntegra como eu faço!

 

 

 

Sem dúvida, a qualidade do acabamento valoriza a peça e o trabalho de quem fez a peça.

 

Fazer as costuras básicas como fechar os ombros, as laterais, costurar a saia com o corpo do vestido…isso é o mais rápido. Pode parecer que a roupa está quase pronta, mas é a partir daí que você tem que colocar os seus conhecimentos técnicos em prática.
Em um vestido, por exemplo, você tem que finalizar o decote e a cava com viés, revél ou forro. É preciso fazer a barra, colocar um botão, o zíper…e essa parte é a mais refinada e que precisa de mais conhecimentos e repertório. Esses detalhes que dão o valor para a peça que você fez para você ou valorizam ainda mais a mão de obra da roupa sob medida que as pessoas contratam. Isso faz toda a diferença, pois assim como em uma obra, o acabamento bem feito valoriza o prédio.
Eu tenho um curso 100% online para quem gosta de cada detalhe na finalização das peças e quer ter mais “repertório” e “técnicas” para execução.

 

como cortar tecidos finos

 

Conheça mais o meu curso online: Acabamentos Primorosos e Técnicas de Costura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *